Fake peoples ou auto-sabotadores de si mesmo.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

O que leva uma pessoa a se auto-sabotar, a criar uma ou varias mentiras e acreditar nelas? A criar uma vida irreal, que não existe e acreditar que ela existe e que se vive nela.

O que leva uma pessoa a não aceitar vida que leva, de onde veio, os seus princípios e criar mentiras constantemente?

A mentir a vida que leva, os bens que possui, a não aceitar que não é essa pessoa que se diz ser para todos a sua volta?

Será a ambição de querer ter uma vida que não se tem, mas que se pode ter, ou será o medo de dizer quem se é de verdade e não ser aceito?

O que leva uma pessoa a mentir tudo sobre a vida dela, aonde mora, o carro que tem, viagens que fez, até mesmo mentir coisa que envolvem família?

Conheço pessoas assim e me sinto triste por elas, gostaria de falar isso para elas, para se aceitarem, para não criar uma coisa que não existe, uma vida irreal que todos sabem que é mentira, mas o mesmo continua acreditando que é verdade.

Eu sei que é difícil na sociedade em que vivemos aceitar que não viemos de família rica, que não somos herdeiros, porque a cada dia que passa as pessoas se preocupam mais com isso do que com qualquer outra coisa. Porém é mais bonito se aceitar, contar quem você é de verdade, e tentar criar a vida que você acha que vive do que continuar vivendo em uma ilusão.

Se aceite, seja você mesmo, não se auto-sabote, lute pelo que você quer, lute pela vida que quer ter. Aqui vai uma citação linda que se encaixa no que estou dizendo.

“Se você for um varredor de rua, seja o melhor varredor de ruas do mundo. Varra as ruas como se você fosse Beethoven compondo, Leonardo da Vinci pintando e Shakespeare escrevendo. Se você agir assim, os anjos do céu virão a terra e dirão: por aqui passou o melhor varredor de ruas do mundo.”

Kaka Padilha

Advertisements
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×
%d bloggers like this: